noticias


05/06/2012 -
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Aumentam as ofertas de trabalho para quem tem MBA
 
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

 

O mercado de trabalho melhorou para aqueles que detêm um título de MBA. Pesquisa divulgada esta semana pelo Graduate Management Admission Council (GMAC), instituição que aplica o GMAT, teste de admissão usado pela maioria das escolas de negócios, mostra que 62% dos que concluem o MBA este ano tinham uma oferta de trabalho no momento da pesquisa, entre fevereiro e março. Mais do que os 54% que deram a mesma resposta em 2011.

As taxas de ofertas de emprego para os graduados nos programas "part-time" e MBA executivo são as mais elevadas desde 2001, data da primeira pesquisa do GMAC. Neste ano, 76% dos formandos nos MBAs executivos tinham uma proposta de trabalho, contra 47% no ano passado. No caso do "part-time", 67% afirmaram ter uma emprego em vista este ano. Porcentagem maior que os 55% detectados em 2011.

 

"Com as companhias começando a planejar expansão, elas estão contratando talentos para administrar suas estratégias de crescimento para sustentar os negócios no longo prazo", disse em nota Dave Wilson, presidente do GMAC.

 

Os alunos que cursam um MBA em seus países de origem recebem mais ofertas que os estrangeiros - 68% contra 50%. Nas escolas americanas, por exemplo, 64% dos alunos nascidos nos EUA tinham uma proposta de trabalho no período da pesquisa. Entre os estrangeiros a porcentagem cai para 43%. Na Europa, a diferença também existe, mas é menor - 59% contra 55%.

 

Os setores preferidos pelos formandos nos MBAs para trabalhar são os mesmos dos últimos anos: produtos e serviços, consultoria e finanças e contabilidade. As áreas que mais contratam, no entanto, são outras: indústria, saúde e tecnologia.

 

Um terço dos entrevistados pretende permanecer com seu atual empregador. Esses estudantes, no entanto, esperam obter um aumento salarial de 36% com a conclusão do curso.

 

Uma pequena parcela dos formandos de programas executivos (5%) já atua como empreendedor ou pretende abrir o próprio negócio. A maioria dos que pretendem atuar por conta própria é homem (78%) e a faixa etária acima de 31 anos (59%) é mais propensa a empreender que os mais jovens (41%).

 

O GMAC ouviu mais de 5 mil pessoas que concluem programas executivos este ano em escolas de negócios ao redor do mundo.

 

 

Por Adriana Fonseca

Fonte: Valor econômico



Comentários


Nenhum comentário no momento!



Cadastre o seu comentário
 
Titulo:
Nome:
Email:
 
Comentário

(0 / 1000)
Receber comentários por email:
 
 



Voltar

 


RH AUTOMOTIVE
contato@rhautomotive.com.br (11) 9-9208-9621 (WhatsApp) | (11) 3777-3906
RH AUTOMOTIVE - todos os direitos reservados | Desenvolvimento